A Polícia Rodoviária Federal prendeu uma quadrilha, durante o final da tarde de segunda-feira (1º), na Rodovia Fernão Dias (BR-381). O caso aconteceu após os policiais abordarem um caminhão, com placas de Belo Horizonte (MG), na cidade de Estiva (MG).

O caminhão tinha registro de roubo/furto, placas clonadas e um aparelho que bloqueia sinal de celulares. Outros dois veículos, que vinham atrás, fugiram neste momento. Um deles também havia sido roubado e apresentava placas clonadas. Durante a perseguição, ele bateu na viatura policial e parou em seguida.

O motorista, de 40 anos, correu em direção a um matagal, mas foi contido pela polícia. No interior da cabine foram encontradas duas armas longas, calibre 12, ambas carregadas com sete cartuchos.O suspeito confessou que havia acabado de roubar a carga de notebooks de um caminhão na mesma rodovia, junto com as pessoas que estavam nos outros dois veículos. O material estava no baú.

Junto com a carga roubada foi encontrado um outro bloqueador de sinal de celular e vários lacres, utilizados para prender as mãos das vítimas,além de uma peruca.

O outro caminhão, também roubado, foi interceptado pela polícia rodoviária em uma estrada rural sem saída. Os dois homens que estavam nele conseguiram fugir, mas o veículo foi apreendido.

A carga

Carga foi apreendida após perseguição policial (foto: PRF)

A contagem do material foi feita no posto da PRF. Havia 240 notebooks, avaliados em R$ 500 mil, 12 sacos de malhas, sete caixas de seringa pra injeção, uma caixa grande com equipamento ortopédico e uma serra circular a gasolina.

Em seguida, a vítima do roubo foi localizada. O crime ocorreu em de Santo Antônio do Amparo (MG).